História da catarata

Por incrível que pareça a cirurgia ocular era muito comum na Babilona desde 1730 antes de Cristo, e podemos comprovar pelo famoso Código de Hammurabi. Agora, mais especificamente sobre um procedimento feito como o da catarata podemos encontrar no ano de 600 antes de Cristo, no livro do Uttara Tantra.

780772697180510foto-2-paracenteseO primeiro cirurgião a faze-la e desenvolve-la foi o Susruta, que conseguiu descrever a técnica de acordo com deslocamento do cristalino por uma incisão precisa que acontece a inserção do instrumento da cirurgia. Mesmo sendo extremamente ineficiente, naquela época, esta técnica antiquada ainda é utilizada em diversos vilarejos do outro lado do mundo onde não possuem um acesso adequado aos oftalmologistas modernos.

Apenas depois que Abull Amar conseguiu descrever a técnicas de aspirar a catarata com a agulha, praticamente em 1000 depois de Cristo é que começamos a evoluir de verdade.

Continuando, o grande marco na historia da oftalmologia moderna aconteceu em 1747 quando o médico e especialista em olhos Jacques Daviel conseguiu realizar a chamada extração extra capsular do cristalino de maneira adequada com apenas uma incisão inferior. Esse procedimento realmente ocorreu em 1753 com o Sharp, o verdadeiro cirurgião.

Ai depois destes grandes feitos do procedimento complicado de extração, conseguimos avanços quando fizemos a substituição do cristalino pela prótese feita de vidro. Mesmo não dando certo, foi um passo para que em 1860 o alemão Albercht von Graefe desenvolvesse uma faca feita exatamente para a extração desta cápsula do cristalino.

Por fim, em 1900 foi feita uma extração com uma pinça, e 4 décadas depois, em um período mais moderno foi feito a sucção capsular. E o mais interessante é que durante a 2 guerra mundial, foi notado que vitimas de acidades de avião com fragmentos no olho tinham uma inflamação muito pequena e entao decidiram fazer uma lente com o mesmo material. E em 1949 Dr Ridley conseguiu fazer a primeira cirurgia com o implante de uma lente intra-ocular! Por isso veja tudo sobre Cirurgia refrativa Rio de Janeiro.